Dicas para Fotografia de Cerveja

Dicas para Fotografia de Cerveja

Dicas para Fotografia de Cerveja

Para o sucesso desta disciplina da fotografia de produto, a fotografia de cerveja deve comunicar, quando for apropriado, uma sensação de frescura.

Este é um dos aspetos para que a fotografia de cerveja seja efetiva e alimente o desejo de ser consumida.

1 – Limpeza/Preparação

Garrafa

Tal como na fotografia de garrafa de vinho branco, remover o rótulo de trás é de extrema importância para que possamos iluminar o conteúdo.

1 – Com a mão esquerda seguramos a garrafa a partir do gargalo e pousamos a base em ângulo.

2 – Recorrendo a uma lâmina de barbear, de baixo para cima, removemos o rótulo.

3 – Com os dedos puxamos a parte cortada do rótulo com a lâmina de barbear.

4 – Repetir a partir do passo 2 até remover o rótulo na sua totalidade.

Para remover os resíduos de cola (resultantes da remoção do rótulo) usamos folha de rolo de cozinha com acetona.

Nota 1: se quiserem evitar o cheiro intenso da acetona é aconselhável usar um local arejado.

Nota 2: uma alternativa à acetona é um removedor de cola.

É, no entanto, uma alternativa mais cara.

Nota 3: ao invés da lâmina de barbear o uso da lâmina de um x-acto é uma alternativa.

Nota 4: alguns rótulos são mais difíceis de remover com a lâmina de barbear.

Nesta situação, humedecer o rótulo com acetona facilitará a remoção com a lâmina. 

Copo

Um limpa vidros com folha de rolo de cozinha é suficiente para limparmos o copo de dedadas e outras manchas.

Nota: se porventura o copo estiver muito sujo é aconselhável lavar o copo com água quente e detergente.

No topo do copo, onde estará a cabeça de espuma da cerveja, é importante não haver condensação.

Usamos fita adesiva com cerca de 2 dedos de espessura para tapar o topo do copo.

2 – Obter Efeito Frio/Gelado

Se pretendermos este efeito fosco/gelado temos duas soluções:

1 – Revestir o vidro com um revestimento mate/opaco

Condor – Eco Antispot

Kenro – Kenair AntiReflect Full Matt

Este revestimento além de proteger o rótulo da humidade dá ao vidro alguma textura e consequentemente permite que as gotas de condensação se fixem melhor no vidro.

Idealmente deve ser aplicado numa zona ventilada e que possamos sujar, pois, este revestimento é extremamente pegajoso. O uso de uma caixa é uma solução útil para aplicar este revestimento.

Devemos aplicar uniformemente de cima para baixo por toda a garrafa/copo a uma distância de 30 cm.

Deixar repousar depois da aplicação para que o efeito assente.

Resultado:

fotografia de cerveja - copo de cerveja com efeito gelado - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

2 – Cera de ‘surf’ de água fria

Aplicar em algumas zonas da garrafa.

Usar o calor das nossas mãos para espalhar a cera e assim criar o efeito.

É um processo mais demorado em relação ao revestimento mate, mas no final obtemos o seguinte resultado.

fotografia de cerveja - garrafa de cerveja com cera - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

3 – Criar Gotas/Condensação

Revestimento

É essencial, caso não queiramos criar o efeito fosco do ponto anterior, aplicar um revestimento acrílico.

Este revestimento cumpre as mesmas funções e vantagens do revestimento mate, enquanto permite manter a aparência natural do vidro.

Ajuda também a controlar a intensidade da iluminação de estúdio.

Caso pretendermos obter um brilho mais suave do líquido aplicamos revestimento mate na parte de trás do vidro e acrílico na frente. O revestimento mate irá tornar a iluminação vinda de trás mais plana.

Gotas

A condensação no vidro é que irá criar a sensação de frescura na fotografia de cerveja.

Usar cerveja fresca ou colocar o copo no congelador produz condensação, mas esta não é controlável.

As gotas eventualmente começarão a escorrer e a molhar a superfície de trabalho do nosso cenário.

Teremos que usar a cerveja a temperatura ambiente.

Pulverizar o vidro somente com água não é uma solução viável. Esta solução, tal como a de usar cerveja fresca, obriga-nos a trabalhar rapidamente.

Para criar condensação real vejam a técnica usada nesta publicação.

A solução mais prática e duradoura é simularmos a condensação.

Para criarmos este efeito temos duas soluções:

1 – Uma mistura de uma parte de glucose/xarope de milho com 2 partes de água morna.

Esta solução pode criar algumas dificuldades, pois temos de garantir que a mistura não é nem muito líquida, nem muito espessa.

Só assim iremos garantir que as gotas fixem posteriormente no vidro.

2 – Mistura de 50% cada de água e glicerina (pelo menos).

Ajustar estas quantidades para 2/3 de água e 1/3 de glicerina pode permitir-nos obter outros/melhores resultados.

A mistura de água e glicerina cria um efeito de condensação duradouro e as gotas terão um bonito formato redondo.

Pulverizadores

Este acessório é essencial para aplicarmos a mistura de água e glicerina.

Para ajustar a dimensão das gotas temos duas técnicas:

1 – Pressionar o pulverizador com força irá criar gotas pequenas e lentamente cria gotas maiores.

2 – Usar o pulverizador perto da superfície do vidro cria gotas maiores e mais afastado cria gotas pequenas.

fotografia de cerveja - copo de cerveja com gotas de condensação - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Após a aplicação, aguardar pelo menos 15 minutos para as gotas solidificarem.

As gotas não irão escorrer e iremos obter o aspeto de condensação.

NOTA 1: diferentes pulverizadores irão criar diferentes tamanhos de gotas.

NOTA 2: aplicar na caixa usada na aplicação do revestimento mate/acrílico.

4 – Iluminar o Vidro por Trás

Para o sucesso da fotografia de cerveja temos de trabalhar na iluminação de estúdio por trás do vidro.

Tal como na fotografia de garrafa de vinho branco em fundo branco iluminar o líquido com gradientes cria uma fotografia mais interessante deste produto.

Diferentes gradientes podem ser criados. O ponto de partida passa por iluminar diretamente por trás através de um difusor com uma panela refletora, octabox ou stripbox. Mover a nossa fonte de luz de um lado para o outro, ou que esta venha de baixo, é o passo seguinte.

Tal como referi na publicação acima, também aqui temos de ter em conta a refração. O líquido, neste caso da cerveja, funciona como uma objetiva e a luz refletida no vidro estará do lado oposto à da iluminação de estúdio.

NOTA 1: em vez de iluminar através de um difusor podemos direcionar a iluminação de estúdio para um refletor.

NOTA 2: outra alternativa para iluminar o líquido é usar refletores dourados por trás.

Cortar mais largo que a forma do copo/garrafa e lentamente cortar consoante a nossa necessidade.

5 – Espuma

Um dos elementos importantes na fotografia de cerveja com copo é a cabeça de espuma.

Tal como na condensação (real), a espuma não se mantêm durante o decorrer de uma sessão fotográfica.

Existem soluções no mercado que permitem manter a espuma durante mais tempo. Não são, no entanto, soluções propriamente baratas.

Estas soluções são:

Foam Booster da Trengove Studios;

Froth Effect da Condor Foto.

Em relação a soluções mais em conta:

1 – Detergente da loiça ou Champô;

Deverá ser totalmente transparente.

Começar por verter algumas gotas no copo com a cerveja já servida.

De seguida agitar ligeiramente para dissolver o produto com a cerveja.

Para terminar, recorrendo a uma palhinha introduzimos uma das extremidades no copo e sopramos a partir da outra extremidade até criar a espuma.

O efeito da espuma será duradouro, mas se decidirem seguir esta via tenham em conta que mesmo transparente o detergente poderá alterar a cor da cerveja.

2 – Sal fino;

Introduzir pequenas quantidades de cada vez.

Agitar ligeiramente com uma colher e aguardar pela criação da espuma.

3 – Pauzinho chinês.

Esta solução é de todas a minha favorita.

A enzima presente na madeira ajuda a criar uma cabeça de espuma.

Para criar a espuma devemos rodar o pauzinho no copo em movimentos lentos. Para não nos excedermos fazemos pequenas pausas para observar a quantidade espuma criada.

Mal retiremos o pauzinho fotografamos para captar o efeito de redemoinho criado. Assim que termine colocamos novamente o pauzinho e retiramos imediatamente para obter mais algum gás.

A capacidade de repetirmos este processo vai depender também da carbonatação de cada cerveja.

Como tal é importante certificarmo-nos de que há cerveja suficiente à nossa disposição.

6 – Distância Focal

Fotografar com distâncias focais longas, entre os 90/100 mm, é uma excelente escolha para grandes planos e até para fotografia para ‘e-commerce’.

Em conjunção com a pequena dimensão deste produto, o recurso a esta distância focal fará com que a garrafa/copo pareça pequena e plana.

Fotografia de cerveja com distâncias focais de 70 mm, 50 mm e 35 mm irá criar uma fotografia mais dramática e marcante.

Estas distâncias focais darão mais volumetria e criam uma distorção suave/agradável nesta especialidade da fotografia de produto.

A objetiva deve ser colocada pelo menos ao nível do rótulo. No entanto, se fotografarmos ligeiramente de baixo para cima iremos cimentar ainda mais a distorção e tornar este produto mais imponente.

90 mm

50 mm

fotografia de cerveja - cerveja com objectiva 35 mm - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

35 mm

7 – Equipamento Indispensável

Para além dos vários artigos que foram referidos ao longo desta publicação os seguintes devem fazer parte do ‘kit’ no decorrer da sessão da fotografia de cerveja.

Luvas

No decorrer da preparação e ao longo da sessão fotográfica da cerveja devemos usar luvas.

Luvas brancas de algodão ou luvas de nitrilo são ótimas para evitarmos impressões digitais e manchas oleosas no vidro.

fotografia de cerveja - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Bons copos

Os copos deverão ser novos e quanto mais bonitos, mais interessante ficará a nossa fotografia de cerveja.

Cotonetes

Excelente para limpar pequenas partes do vidro ou até remover alguma gota de condensação indesejada.

Lata de Ar Comprimido

Para remover pó e outras partículas tanto do vidro como do cenário.

fotografia de cerveja - ar comprimido - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Panos de Microfibras

Tal como na lata de ar comprimido.

fotografia de cerveja - pano de microfibras - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Pastilhas Adesivas/Fixação e Cera Ortodôntica

Muito importante para garantir que os itens mantêm-se nas suas posições.

No caso das pastilhas, estas podem inclusive servir de marcação do lugar da garrafa/copo caso seja necessário retirar do cenário.

fotografia de cerveja - pastilhas de fixação e cera ortodôntica - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Níveis

Para garantir que tanto o cenário, camera e suportes se encontram nivelados.

fotografia de cerveja - níveis - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Polarizadores

Fotografar produtos de vidro é sinónimo de reflexos, brilhos e dores de cabeça.

O uso de um polarizador na objetiva em conjunto com um polarizador na nossa iluminação de estúdio, embora não faça milagres, ajudará e muito a controlar, e por vezes eliminar, reflexos em zonas indesejadas.

Beauty-Dish com colmeia

Juntamente com o polarizador, além das vantagens já referidas acima, a beauty-dish é excelente para iluminar os rótulos, a carica, a espuma e as gotas de condensação.

Nas gotas de condensação a beauty-dish irá criar pontos de luz que farão a diferença e consequentemente captar a nossa atenção.

Nota: Uma alternativa à beauty-dish é uma panela refletora com colmeia sem esquecer o filtro/gel polarizador.

Bomba

Quando a cerveja “morre” e precisamos de renovar a cerveja a última coisa que queremos é deslocar o copo.

Uma bomba para remover a cerveja para uma tigela é fundamental.

fotografia de cerveja - bomba - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Difusores

Seja para iluminar por trás ou a frente do vidro, difusores são as melhores alternativas para obtermos gradientes e a maneira correta de iluminarmos esta fotografia de produto.

Gobo(s)

Na fotografia para ‘e-commerce’ (em fundo branco) para resolvermos a perda de nitidez nas laterais do vidro usamos gobos.

Sejam tiras finas ou com o formato da garrafa/copo devem ser colocadas o mais próximo do vidro e ligeiramente por trás.

fotografia de cerveja - gobos - fotografia de produtos braga portugal - © Bruno Braumann

Tempo

O sucesso da fotografia de cerveja também passa pelo tempo que podemos despender.

O mais pequeno ajuste no decorrer da sessão poderá criar um grande impacto na fotografia final.